• 2015

    Velomat se muda para uma nova planta devido à expansão do mercado e ao crescimento dos negócios, a Velomat decide se mudar para uma nova instalação, com maiores dimensões. A nova planta está localizada em Santa Teresa di Spoltore, não muito longe da antiga, tendo uma área fabril de 3500 m².

  • 2012

    TES se torna VELOMAT e continua o negócio em sistemas de automação de montagem de alto desempenho, dependendo da mesma gestão e recursos técnicos. (“VELOMAT” era anteriormente a marca das plataformas de máquinas de montagem padrão, desenvolvidas pela TES).

  • 2010

    A TES desenvolve a primeira máquina de movimentação contínua, que combina a tecnologia de máquinas de movimentação contínua e linhas de paletes livres para a montagem de bombas de loção com montagem de alta velocidade e um sistema de sofisticado de rastreamento de paletes semi-defeituosos.

  • 2009

    A TES produz uma inovadora linha de montagem de movimentação contínua, com uma velocidade de 600 peças/min para bombas de loção.

  • 2008

    A TES entra no setor de fusíveis de cerâmica com duas máquinas de montagem com base na Velomat para a Ferraz Shawmut (agora Mersen), uma empresa líder mundial na produção de dispositivos elétricos, localizada na França.

  • 2007

    A TES entra no setor de tampas com tampas de suco de frutas, projetando uma linha de montagem para a Tetra Pak. A linha combina uma tecnologia robótica para o desmoldagem das peças a serem montadas, um transportador de linha de paletes e uma máquina de montagem de alta velocidade baseada no módulo Velomat. A TES produz a primeira máquina de montagem, capaz de atingir 1000 peças/min.

  • 2005

    A TES entra no mercado brasileiro com uma máquina de montagem final de bombas VP4, baseada no módulo Velomat, para a Valois Brasil.

  • 2003

    A TES desenvolve o I-Flex, uma máquina de base linear com tecnologia de paletes livres. A nova plataforma é usada para fabricar uma máquina de montagem de terminais de baterias automotivas para a MTA, uma empresa líder em dispositivos elétricos automotivos. A TES entra no setor de conectores construindo duas máquinas de montagem de conectores, baseadas no módulo Velomat, para a Tyco Electronic Belgium.

  • 2002

    A TES entra no setor de sistemas de fechamento produzindo uma linha completa de movimentação contínua para a Guala Closures, uma empresa líder mundial em sistemas de fechamento de segurança para bebidas.

  • 2001

    A TES atinge a velocidade de 1.000 peças/min com uma máquina de controle de vazamento.

  • 2000

    A TES constrói sua 10ª máquina trabalhando com o módulo VELOMAT 1000, com uma velocidade de até 80 ciclos/min.

  • 1999

    O TES desenvolve seu primeiro módulo de montagem indexado padrão (VELOMAT 1000).

  • 1998

    O TES desenvolve um alimentador flexível com um robô cinemático paralelo.

  • 1997

    A TES entra no setor elétrico com uma máquina de montagem de porta lâmpadas de alta velocidade.

  • 1996

    A TES incorpora o primeiro controle integrado com sistema de visão em uma máquina de movimentação contínua com velocidade até 300 peças/min.

  • 1995

    A TES desenvolve a primeira máquina de movimentação contínua, com um ciclo de 300 peças/min. A máquina ainda está totalmente operacional.

  • 1994

    A TES entra no setor farmacêutico fabricando uma máquina de montagem de dispensadora nasal para a Dispray (agora Aptar Chieti (NYSE: ATR)). Giacomo Marini se torna presidente da TES.

  • 1992

    TES entra no setor eletrônico fabricando uma linha de montagem automática de mouse em Cork (Irlanda). Giacomo Marini (co-fundador da Logitech) se torna um investidor da TES.

  • 1991

    A TES se torna a principal fornecedora de máquinas de microbombas da Aptar Chieti (NYSE: ATR).

  • 1989

    A Europe Packaging e a SAR, (agora Aptar Chieti (NYSE: ATR)), formam a TES, uma empresa dedicada à automação de montagem.

  • 1988

    A empresa EP entra no setor de automação de montagem e no setor de cosméticos desenvolvendo a primeira máquina de movimentação contínua para a montagem de uma bomba cosmética.

  • 1986

    Juntando experiências, um grupo de profissionais em automação industrial fundou a empresa EP, “Europe Packaging”. A empresa nasceu no setor automotivo de máquinas de concepção e fabricação para o manuseio e processamento de componentes de borracha automotivos.